banfil1.gif (18740 bytes)

personag.gif (1603 bytes) O Senhor dos Anéis

linha.jpg (4098 bytes)
Quem é Quem?
linha.jpg (4098 bytes)

"Eu sou na verdade um Hobbit em tudo menos no tamanho. Gosto de jardins, árvores, terras sem a confusão das cidades, onde possa fumar um cachimbo. E gosto muito de comida... Inclusive passei a usar golas ornamentais, procurar cogumelos silvestres, e a rir de coisas simples... Durmo tarde e acordo tarde, quando possível."

(J. R. R. Tolkien)

As três produções serão dirigidas por Peter Jackson (Almas Gêmeas, Os Espíritos) , que também assina o roteiro juntamente com Frances Walsh (também de Almas Gêmeas, Os Espíritos), a estreante Philippa Boynes e Stephen Sinclair (Meet the Feebles, Braindead).

linha.jpg (4098 bytes)
Conheça um pouco das características dos personagens:
linha.jpg (4098 bytes)

linha.jpg (4098 bytes)
Os Hobbits
linha.jpg (4098 bytes)


Frodo Bolseiro: Hobbit do Condado e portador do Anel. Frodo nasceu no ano de 2968 da Terceira Era, filho de Drogo Bolseiro e Primula. Órfão desde a infância, foi adotado por seu primo, Bilbo Bolseiro de Bolsão. Frodo era extremamente aventureiro e muito erudito; era escritor de canções e algo como um estudioso das lendas e do idioma dos elfos. Em 3001, quando Bilbo deixou misteriosamente o Condado, Frodo herdou o Um Anel. Em 3018, Gandalf o Mago reapareceu e fez Frodo participar da Missão do Anel, para o qual enviou a Valfenda, onde se formaria a Sociedade do Anel.  APARECE NA PARTE UM, PARTE DOIS E PARTE TRÊS.

frodobaggins.jpg (11386 bytes)

Bilbo Bolseiro: Hobbit do Condado. Nascido no ano de 2890 da Terceira Era, Bilbo era um hobbit solteiro que vivia em Bolsão. Em 2941, Bilbo foi atraído por um mago e treze anões para participar da famosa missão de Thorin e Companhia que, em 2941, provocou a morte de Smaug, e o restabelecimento do Reino Anão em Erebor. Com uma modesta porção do ouro do dragão que havia ganho em sua aventura, Bilbo voltou ao Condado, onde passou uns sessenta anos. Durante a aventura, Bilbo adquiriu um misterioso anel que tinha o poder de tornar invisível quem o colocasse. Mais adiante se descobriria que este anel, era na realidade, o Um Anel, que pertencia ao Senhor dos Anéis. No ano de 3001, Bilbo celebrou uma grande festa de aniversário e logo desapareceu perante os olhos de todos os seus convidados, deixando sua riqueza, sua casa e o Um Anel ao seu jovem primo e herdeiro adotivo, Frodo Bolseiro. APARECE NA PARTE UM E PARTE DOIS.

bilbobaggins.jpg (12661 bytes)

Meriadoc Brandebuque - Merry: 20 anos. Masculino. 1,60 m a 1,70 m. Constituição normal. Merry é mais sagaz e inteligente que um hobbit normal. Um mestre em travessuras, Merry geralmente consegue convencer seu impetuoso comparsa no crime, Pippin, a tomar parte em seus esquemas. Merry tem raciocínio rápido e é cheio de recursos, confiante e alegre. Ele sonha em ser heróico, mas é um fato que ele não é naturalmente corajoso e surpreende a si mesmo quando finalmente é chamado a um grande feito no campo de batalha... É UM PERSONAGEM CHAVE NO ELENCO DE SUPORTE. APARECE NA PARTE UM, PARTE DOIS E PARTE TRÊS.

merry.jpg (11967 bytes)

Peregrin Tûk - Pippin: 20 anos.1,60 m a 1,70 m Constituição normal. O mais jovem hobbit, Pippin é impulsivo, sincero e um bola de energia. Ele é encantador e destemido, mas sua falta de maturidade e visão tende a colocá-lo em problemas. Pippin é intrépido, principalmente porque ele não para para pensar no perigo, mas também porque ele tem um grande coração. Ele é inocente e de natureza crédula que agradam prontamente as outras pessoas. Ele é um cômico natural...É UM PERSONAGEM CHAVE NO ELENCO DE SUPORTE. APARECE NA PARTE UM, PARTE DOIS E PARTE TRÊS.

pippin.jpg (13238 bytes)

Samwise Gamgee: 30 anos. Masculino. 1,60 m a 1,70 m. Troncudo. Prático e silencioso, Sam é freqüentemente uma fonte inconsciente de humor - embora ele seja mais astuto do que alguns imaginam. Ele é não-sofisticado, de pavio curto e desconfiado. Sam encara cada nova jornada geralmente com maus presságios sombrios, mas também com uma amarga determinação de ver o trabalho feito. Um humilde jardineiro, sua intensa lealdade a Frodo mostra-o realizando grandes altos de auto-sacrifício e heroísmo. No final da história, Sam cresce secretamente em tamanho e sua última despedida de Frodo, embora cheia de tristeza, também revela a profundidade da compreensão e sabedoria que Sam adquiriu... PAPEL DE APOIO. APARECE NA PARTE UM, PARTE DOIS E PARTE TRÊS.

sam.jpg (9799 bytes)

linha.jpg (4098 bytes)
Os Humanos
linha.jpg (4098 bytes)


Aragom: 45 anos. Masculino. Um líder aparentemente rude mas formoso. Principal papel humano. Ele é enigmático, sofredor, Aragorn carrega uma aura de majestade e poder oculto consigo, mas também um grande senso de humanidade e bondade. Aragorn trava uma grande luta interna ao encarar seu destino como Rei. Valoroso, nobre e amargo, nunca procura por poder e possui um medo inato da natureza corruptora do poder. A linhagem nobre de Aragorn é inicialmente oculta sob a pessoa de "Passolargo", um misterioso guardião que costuma a viver de modo duro e hábil em região inexploradas. Aragorn é um hábil lutador com espada. É UM PERSONAGEM CHAVE NO ELENCO DE SUPORTE. APARECE NA PARTE UM, PARTE DOIS E PARTE TRÊS.

aragom.jpg (13286 bytes)

Boromir: 45 anos de idade. Masculino. Forte, alto, constituição pesada. Boromir é o filho mais velho de Denethor, Regente de Gondor introvertido e de certa forma solitário, ele tem sido oprimido por um pai dominador e violento. Boromir não confia em outras pessoas, em especial Magos e regularmente trata Gandalf com desdém. Boromir acredita na grandeza dos homens, mas ele não acredita realmente em si mesmo. O mais agradável lado de sua personalidade trazido à tona pelos Hobbits, dos quais ele gosta muito. Boromir é facilmente influenciado pelo poder do Anel e sob sua influência ele se torna completamente mal intencionado. Entretanto ele percebe seu erro e muito honoravelmente se redime, morrendo como herói para salvar Merry e Pippin. GRANDE PAPEL DO ELENCO DE SUPORTE. APARECE NA PARTE UM.

baromir.jpg (10618 bytes)

Faramir: 25 anos. Masculino. Jovial, magro e formoso. Segundo filho de Denethor, Regente de Gondor, Faramir cresceu à sombra de seu irmão, o poderoso Boromir. Confiável, intensamente leal a Gondor e seu povo, Faramir é perito em ocultar a dor e humilhação que sofreu de seu pai. Ele não é sério ou amargo por natureza, mas teve um desgaste prematuro pois logo que nasceu sentiu o peso dos problemas de seu pai. Acima de tudo, Faramir é extremamente honrado e mostra uma sabedoria bem acima de sua idade. UM PAPEL CHAVE NO ELENCO DE SUPORTE. APARECE NA PARTE DOIS E NA PARTE TRÊS.

faramir.jpg (11892 bytes)

Éowyn: 30 anos de idade. Feminina. Um princesa guerreira nórdica. PRECISA SER HÁBIL PARA CAVALGAR E USAR UMA ESPADA. Sobrinha do Rei Theoden, Eowyn é alguma vezes chamada Senhora Branca de Rohan - em parte à sua palidez e seu longo e belo cabelo como também à sua solene reserva, erradamente tomada como frieza. Ela não tem comparação como cavaleira, pode usar uma espada tão bem como qualquer homem e não é delicada nem sentimental. Também tem uma língua afiada e uma inteligência cáustica, mas mostra grande vulnerabilidade quando seus sentimentos são atingidos. Este é o particularmente o caso com Aragorn, com quem se apaixonou, sem esperanças e solução. UM PAPEL CHAVE NO ELENCO DE SUPORTE. APARECE BREVEMENTE NA PARTE UM, E EM MAIOR DESTAQUE NA PARTE DOIS E NA PARTE TRÊS.

eowyn.jpg (11737 bytes)

Denethor: 70 anos de idade. Masculino. Um homem duro e fisicamente poderoso. Idoso mas não frágil. O Regente de Gondor, Denethor é um homem preocupado e com um temperamento violento que tende a tomar decisões irracionais. Ele é desconfiado, obsessivo, dominador e não razoável. Denethor é o regente de Gondor, mas é bastante ciente de que o Regente apenas o guardião do trono, até que o rei retorne. Denethor não aceita isto e resiste à idéia de que um dia o verdadeiro rei irá tomar o poder. Denethor é depressivo, prevendo desgraças e destruição a cada oportunidade. Ele encarou muito mal perda de seu filho, Boromir, culpando seu filho mais novo, Faramir, pela sua morte. Em um momento de arrogância e desespero, Denethor se mata, numa final e completa abnegação de suas responsabilidades como regente de Gondor. UM PAPEL CHAVE NO ELENCO DE SUPORTE. APARECE NA PARTE DOIS E NA PARTE TRÊS.

denethor.jpg (12306 bytes)  

Theoden: 50 anos ou mais. Masculino. Muito parecido com a imagem de um Rei Nórdico com uma possível aparência nórdica. É ESSENCIAL QUE O ATOR QUE ENCENARA THEODEN SEJA UM CABALEIRO CONFIANTE. Ele é o Rei de Rohan. Theoden é mais velho que sua idade; aflito e distraído, está sob a influência de um conselheiro perspicaz e manipulativo, Língua-de-Cobra. Apenas quando Língua-de-Cobra é expulso que Theoden retorna ao seu antigo eu, deixando vinte anos de decrepitude para assumir o manto da realeza. UM PAPEL CHAVE NO ELENCO DE SUPORTE. APARECE NA PARTE UM, PARTE DOIS E NA PARTE TRÊS.

theoden.jpg (12813 bytes)

Éomer: Sobrinho de Théoden, rei de Rohan, Éomer, homem forte e ruivo, como quase todos de sua raça, participou da Guerra do Anel com muita bravura.

eomer.jpg (12209 bytes)

Grima Língua-de-Sogra: O conselheiro do Rei Théoden de Rohan, que agiu como espião de Saruman para manter o reino de Rohan enfraquecido. Após a destruição de Isengard pelos Ents, ele acompanhou Saruman para para o norte até o Condado.

worntongue.jpg (10486 bytes)

linha.jpg (4098 bytes)
Os Magos
linha.jpg (4098 bytes)


Gandalf: Mago da Terra-média. Durante mais de dois mil anos Gandalf lutou contra os poderes do mal que ressurgiam na Terra-média. Em 2941, Gandalf liderou a Missão à Montanha Solitária que trouxe a morte de Sméagol. Durante esta missão, Gandalf conseguiu a espada Glamdring, e Bilbo Bolseiro encontrou o Um Anel. Em 3018, Gandalf foi visitar Frodo Bolseiro no Condado e deu início à Missão do Anel. Em Valfenda passou a formar parte da Sociedade do Anel. UM PAPEL CHAVE NO ELENCO DE SUPORTE. APARECE NA PARTE UM, PARTE DOIS E NA PARTE TRÊS.

gandalf.jpg (10669 bytes)

Saruman: 60 anos ou mais. Masculino. Possui voz melódica/hipnótica. Olhos penetrantes. Magro, Alto. O Vilão Chave da história. O líder dos istari, os Magos que oferecem conselho às criaturas da Terra-média, Saruman possui imensa estatura e dignidade. Como a história revela nós aprendemos que ele foi corrompido pelo desejo de poder e traiu seu dever sagrado. Uma vez nobre e sábio, é agora arrogante e esperto, falso e egoísta. APARECE NA PARTE UM E PARTE DOIS.

saruman.jpg (10415 bytes)

linha.jpg (4098 bytes)
Os Elfos
linha.jpg (4098 bytes)


Galadriel: Mais jovem filha, e única filha mulher, de Finarfin dos Noldor, Galadriel nasceu em Valinor quando as Duas Árvores ainda cresciam. Ela viajou para a Terra-média no início da Primeira Era com seus quatro irmãos. Em Beleriand, ela frequentemente ia aos salões de Thingol (a quem era aparentada; pois sua mãe era sobrinha de Thingol), e lá conheceu Celeborn. Após a Guerra da Fúria e a destruição de Beleriand, a maioria dos Noldor retornou a Valinor, mas Galadriel e Celeborn permeneceram na Terra-média. Após a perda de Amroth em 1981 (Terceira Era), Galadriel e Celeborn tornaram-se Senhor e Senhora de Lothlórien, e lá residiram até o final da Terceira Era.

galadrie.jpg (10702 bytes)

Arwen: 30 anos. Esbelta, graciosa, constituição fina. TERÁ QUE CAVALGAR E USAR UMA ESPADA. A Princesa Élfica de Valfenda, cuja beleza é legendária. Arwen é uma Elfa, e por virtude de nascimento, imortal. Tudo sobre Arwen é "Ligeiro" - sua agilidade, seu sorriso, seu temperamento, seu entendimento. Ela parece gostar de jogar contra as pré-concepcões da clássica e serena dama Élfica. Ele veste uma armadura, cavalga rápido e deu seu coração a um homem mortal. O amor de Arwen por Aragorn é profundo e vigilante. Mas também ama seu pai, o Lorde Elrond, e custa muito a ela desafiá-lo. A jornada de Arwen é em direção a um profundo entendimento da escuridão e do mal que existe no mundo e um verdadeiro entendimento do que significa ser mortal. ARWEN É O PAPEL FEMININO ROMÂNTICO PRINCIPAL. APARECE NA PARTE UM, PARTE DOIS E PARTE TRÊS.

arwen.jpg (9238 bytes)

Légolas: 35 anos. Esbelto, gracioso, formoso. Um príncipe dos Elfos da Floresta, Legolas é um arqueiro mortal, que pode se mover com grande discrição. Alto, magro e de constituição fina, Legolas é fisicamente tudo o que Gimli o anão não é. Legolas vê Gimli como sério, obcecado pelo trabalho e um pão-duro sem humor. É o dinâmico deste "estranho casal": dois opostos constantemente brigando e se provocando, cada um fazendo piadas às custas do outro. Mas além da veia de humor irônico Legolas se preocupa muito com aqueles que prometeu proteger e no final ele e Gimli se tornam bons amigos. UM PAPEL CHAVE NO ELENCO DE SUPORTE. APARECE NA PARTE UM, PARTE DOIS E NA PARTE TRÊS.

legolas.jpg (11819 bytes)

Elrond: 40 anos ou mais. Masculino. Alto, esbelto e com feições finas. Senhor dos Elfos de Valfenda e pai de Arwen, Elrond possui grande autoridade e sabedoria, mas também humildade. Ele é de certa forma um vidente e está preocupado com o amor de sua filha por um mortal, Aragorn, conhecendo como ele conhece o destino escuro de Aragorn. Em um sentido mais amplo, Elrond sente uma grande tristeza pois a Era dos Elfos está chegando ao fim - mas ele não tenta mudar este fato, aceitando seu destino. APARECE BREVEMENTE NOS TRÊS FILMES. ESTE É UMA PAPEL DE SUPORTE.

elrond.jpg (11709 bytes)

Celeborn: Um Elfo de Doriath, que encontrou com Galadriel filha de Finarfin depois do Retorno dos Noldor para a Terra-médi e casaram-se. Tornaram-se Senhor e Senhora de Lórien durante a Terceira Era.

celeborn.jpg (10588 bytes)

linha.jpg (4098 bytes)
Outras Raças
linha.jpg (4098 bytes)


Gimli: 50 anos. Masculino. Uma pessoa de tamanho norma mas pequeno e troncudo seria preferível. (CG/tela azul serão usados para reduzir a estatura). Um anão combativo com um grande coração. Gimli é bravo e corajoso; um guerreiro até o âmago, que vive pelo código dos guerreiros, e leal até o fim. Gimli é um espírito vociferante que gosta de zombar de Elfos, em particular Legolas. Gimli ama o vinho e mulheres e músicas e possui um senso de humor sincero. Embora dificilmente refinado, ele é capaz de apreciar a beleza, especialmente a beleza de minas bem talhadas e túneis feitos por seus ascendentes. PAPEL CHAVE NOS TRÊS FILMES. APARECE NA PARTE UM, PARTE DOIS E PARTE TRÊS.

gimli.jpg (11174 bytes)

Gollum - Sméagol: Gollum foi uma vez um hobbit, chamado Sméagol, nascido no Vale do Anduim. Em 2463 da Terceira Era, o primo de Sméagol, Déagol, encontrou o Um Anel pescando, onde Isildur o perdeu dois milênios antes. Então Sméagol o matou imediatamente para ficar com o Um Anel. O poder do Anel aumentou a vida de Sméagol, mas o deformou até deixá-lo irreconhecível. A partir daí passou a se chamar Gollum, pelos ruídos guturais que fazia quando tentava falar. Com o Anel em seu poder, escondeu-se nas Montanhas Sombrias, e foi trazido aos eventos do final da Terceira Era quando encontrou Bilbo Bolseiro, que tomou o anel dele.


Tom Bombadil: Senhor da Floresta Velha. Tom Bombadil era o nome que os hobbits davam ao poderoso e excêntrico Senhor da Floresta Velha. Era uma pessoa muito alegre e estranha. Tinha o aspecto de um homem baixo e corpulento com os olhos azuis, a cara avermelhada e uma barba castanha. Sempre estava cantando e falando em rima, o que fazia parecer um louco, mas dentro da Floresta Velha seu poder era absoluto.

     

Barbárvore: Barbárvore era o Ente guardião do Bosque de Fangorn. Era um gigantesco Pastor de Árvores de mais de quatro metros de altura. Durante a aventura da Guerra do Anel, como era o mais velho de sua raça, realizou um "Entebate"na presença de Merry e Pippin e ajudou os membros da Sociedade do Anel, junto com os outros Ents, a destruir Isengard e aprisionar Saruman, o Branco.


Sauron: O Senhor dos Anéis. Nos tempos antigos, ele seduziu os Elfos de Eregion para que forjassem os Anéis do Poder. Então se converteu no Senhor dos Anéis ao forjar o Um Anel. O livro O Senhor dos Anéis conta a história da busca de Sauron ao Um Anel que foi perdido durante a Última Aliança.


linha.jpg (4098 bytes)
Os Povos
linha.jpg (4098 bytes)


Valar: Os Valar são os seres mais importantes dentre os Ainur que vieram no princípio de Eä. Haviam quatorze Valar - excluindo o importante Ainu Morgoth o qual cai em desgraça para sempre removendo, desta maneira, seu nome dos anais dos Abençoados.

Como Ainur, os Valar são espíritos imortais sem necessidade de transporte corpóreo. Os espíritos deles só tomam forma para que eles possam interagir com as Crianças de Eru. O papel dos Valar que era a criação e manutenção de Arda e dos Céus ditou a necessidade deles por uma forma e a adoção ocasional de corpos físicos. Guardiões de um mundo material requerem formas materiais.

Os Valar são poucos, mas eles são os seres mais poderosos em Eä. Eles trabalham pelas pessoas deles, menos para os irmãos deles, os Maiar cujo número é desconhecido. Empenhando as lealdades deles para a realeza dos Valar, estes Ainur menos abençoados servem como os criados dos Valar.

EX: Manwë, Varda, Ulmo, Oromë.

     

Maiar: Os Maiar compõe a maioria dos Ainur que entraram em Eä no seu início. Embora criados dos Valar, eles compartilham a mesma natureza dos seus irmãos "maiores".

Como os Valar - e realmente todos os Ainur - os Maiar são espíritos imortais sem necessidade de forma. Os corpos corpóreos deles os permitem interagir com as Crianças de Eru simplesmente, e lhes permite executar a tarefa primária deles que é a tendência de Arda. Este papel os permite interagir com os habitantes da Terra-Média mais diretamente que os Valar, porque os Maiar levam a palavra dos mestres deles e servem como os intermediários entre eles.

O número dos Maiar é desconhecido; porém, estes espíritos menores compõem as pessoas dos Valar e são numerosos o bastante para nutrir as próprias sociedades deles e levantar suas próprias guerras. A variedade deles é grande e a lenda deles reflete seu caráter variado; e embora os Maiar nasçam antes da Existência, eles compartilham muitas das paixões e negligências de povos mais simples.

EX: Gandalf(Istari), Tom Bombadil, Goldberry.

     

Elfos: Os Elfos, ou Primogênitos, foram os primeiros das Crianças de Eru a despertar. Nascidos debaixo das estrelas antes da ascensão da Lua e do Sol, eles retêm um amor especial pela luz e um espírito interno dotados de presentes sem igual. Eles se chamam os Quendi, ou "Locutores", porque eles foram os primeiros a articular palavras; e, mesmo agora, nenhuma outra raça entende idiomas e canções como os Primogênitos. Formosos e finos, brilhantes e orgulhosos, imortais e fortes, altos e ágeis, eles são os mais abençoados dentre os Povos Livres. Ainda, apesar dos presentes deles, eles são uma raça amaldiçoada - levados pela Mão do Destino.

Como os outros Povos Livres, como os Homens e Anões, os Elfos têm muitas ramificações e muitas figuras notórias. A lenda deles é uma de migrações longas, guerras orgulhosas, e grandes realizações.

EX: Legolas, Glorfindel, Elrond, Galadriel


Anões: Os Anões são descendentes dos Sete Pais, os senhores originais feitos da terra pelo Vala Aulë. Ele é o ferreiro dos Valar, o doador das montanhas e mestre das artes, e os Anões o chamam Mahal.

Eles foram criados primeiro, mas Eru, o Grande forçou seu criado Aulë a demorar o despertar deles até depois da vinda dos Elfos. Seguindo o nascimento deles os Sete Reis formaram tribos baseados nas linhas deles e se separaram. Embora estas Sete Tribos tenham se espalhado desde então pela Terra-Média, eles permaneceram íntimos e unidos e desfrutaram de uma reputação universal de inflexíveis, práticos, e de uma lealdade sem igual. A maioria dos grupos preferem as terras altas rochosas e cavernas profundas nas montanhas, para os Anões, talvez mais do que qualquer raça, se lembrem da sua origem e da sua herança.

EX: Gimli, Balin, Dwalin, Thórin.

anoes2.jpg (13174 bytes)  

Umli: Os Umli vivem no Norte Distante do Norte Central da Terra-Média, a leste do Povo Lossoth. Eles são uma raça de povo pequeno que aparentemente veio de uma união antiga entre Homens e Anões. As lendas os chamam Meio-anões.


Homens: Os Homens foram os segundos a nascer e os primeiros a surgir no Leste Distante durante a Primeira Era. Lá, em uma terra chamado Hildórien, eles despertaram para achar um continente selvagem e algum dia depois eles encontraram os Primogênitos, ou Elfos. Foram os Elfos que lhe deram o nome Hildor, embora eles sejam chamados agora mais comumente na língua Quenya por Atani ou na Sindarin por Edain.

Homens diferem em muitas formas dos Elfos, a mais sutil é pelo "Presente da Morte". Os Homens são mortais e vivem suas breves vidas com um fogo e uma paixão diferente de qualquer outra raça. Eles também são variados e freqüentemente cheios de defeitos e vulneráveis. Ao contrário dos Primogênitos, eles são bastante suscetíveis a doença e a temperaturas extremas. Porém, ao mesmo tempo eles raramente se cansam da vida.

Existem dois grandes grupos de Homens: Homens altos que são chamados comumente de Edain; e os Homens Comuns, esses não se aliaram com os Elfos nas guerras contra Morgoth. Alguns falam dos Homens do Norte como um terceiro grupo, homens medianos que são racialmente parecidos com os Edain, mas que não se beneficiaram de qualquer contato ou aliança com os Elfos.

EX: Aragom, Boromir, Denethor


Hobbits: Os Hobbits têm uma origem obscura, embora pareça que eles surgiram no Leste na Primeira Era, aproximadamente ao mesmo tempo que os Homens. Realmente, é dito que eles são relacionados aos Homens. Porém, os hábitos deles são sem igual: eles escavam e cavam e residem em " buracos "; daí o nome deles Kuduk que quer dizer "habitantes-de-buraco" (do Rhovanion antigo kûd-dûkan de Hobbitish).

EX: Bilbo, Frodo, Merry, Pippin, Sam Gamgee.

hobbits1.jpg (11784 bytes)

Orcs: Os Orcs são membros de uma raça descendente dos Elfos que foram modificados e pervertidos por Morgoth durante a Primeira Era. Embora eles não sejam maus por natureza, eles são culturalmente e mentalmente predispostos para Escuridão e para a Maldade.

Existem três tipos de raça Orc: os Orcs Comuns, os Uruk-Hai e os Meio-Orcs.

Os Orcs Comuns temem o sol e fazem suas habitações em cavernas em baixo das montanhas. As Montanhas Nebulosas e as Montanhas Cinzentas abrigam tribos miríades que atacam os homens de Rhovanion, às vezes sob ordem de Sauron, freqüentemente somente por uma cobiça por pilhagem.

Após a ressurreição de Sauron, ele começou a criar uma raça nova de Orcs, uma capaz de agir independentemente e inteligentemente. Depois de séculos de trabalho, ele produziu os primeiros Grandes Orcs, e ele os chamou de Uruk-Hai porque eles foram vestidos mais à formação de sociedades. Inicialmente, os Uruk-Hai permaneceram perto de Sauron e o serviram como tenentes e guardas de elite.

Os Meio-Orcs foram uma criação horrorosa, nascidos de uma mistura entre Homens e Orcs. Eles são freqüentemente confundidos com os Uruk-Hai, mas são uma raça distinta, pequenos em número mas capazes e mortais. A origem deles também é obscura, embora pareça que eles foram usados primeiro pelo pervertido Mago Saruman. Ele ainda os emprega como agentes, espiões, tenentes, e guardas especiais. Eles são um efetivo particular em Eriador, para os Meio-Orcs de Saruman pois alguns tem sangue de Dunlending e são capazes de se misturar em suas sociedades.

orcs1.jpg (8308 bytes)
   

Trolls: Criados por Morgoth para zombar o povo das árvores, os Ents, os Trolls são tão durões e estúpidos quanto as pedras das quais foram feitos. Alguns acham que eles são relacionados com os Gigantes. Em todo caso, Trolls odeiam todas as outras criaturas, um legado do toque escuro de Morgoth. Trolls normais são divididos em vários tipos(baseados na sua localização): Colinas, Cavernas, Neve e Trolls-de-Pedra. O último é o grupo mais comum. Estes tipos se transformam em pedra, substância da qual eles foram feitos, quando expostos à luz do dia, pois eles foram criados na Escuridão e o Sol pode desfazer a magia. Outro grupo, os Olog-Hai de Sauron, podem resistir luz solar; mas estes "Trolls negros" são discutidos abaixo.

Os Olog-Hai foram criados por Sauron de raças menores de Trolls, e tem, até agora, sido uma raça rara na Terra-Média. Espertos e organizados - contudo muito maiores e mais fortes que seus irmãos - os Olog-Hai são guerreiros soberbos. Eles não possuem nenhum medo, e tem sede de sangue e de vitória.

Os Olog-Hai também são chamados de Trolls Negros, pois eles possuem couros escamosos pretos e sangue preto.


Balrogs: Enormes e ígneos, os Balrogs, estes "homens-demônios" do poder, estão entre os mais temidos dos habitantes da Terra-Média. Eles são muito inteligentes, muito espertos, e capazes de causar uma destruição volumosa quando estão de mau-humor. A sua arma física mais temida é o seu chicote de fogo, mas a outra mão deles freqüentemente estão preenchidas com alguma arma secundária como uma espada ou maça-de-guerra. Os Balrogs podem " voar " por cima de obstáculos e não têm que tocar o solo exceto quando se encontram em um espaço pequeno. Eles também possuem a habilidade para alterar o tamanho deles consideravelmente.

O Balrog mencionado na trilogia " O Senhor dos Anéis " é simplesmente citado como "O Balrog de Moria" na tradição ocidental e é um ser tão temido que a presença de qualquer irmão raramente é deixada passar sem notícia. Porém, é provável que outros Balrogs possam ter sido apanhados em baixo da terra seguindo a queda de seu mestre, da mesma maneira que o Balrog de Moria foi. Na Primeira Era, os Balrogs eram servos de Morgoth, o inimigo Escuro, mestre de toda a escuridão e mentor de Sauron.


Nazgûl: Os maiores criados do Mal, os Nazgûl são temidos por todos. Também chamados de os "Fantasmas do Anel" ou simplesmente "Os Nove", estes são nove grandes senhores dos homens que foram escravizados por Sauron na Segunda Era. Cada um deles tinha desejado grande poder e tinham aceitado um dos Nove Anéis dos Homens forjados por Sauron. Considerando que os anéis são governados pelo Um Anel que é controlado pelo Senhor Escuro, os Nazgûl se tornaram os escravos dele. Com o tempo eles se tornaram imortais em espírito, mas os corpos deles gradualmente se transformaram em névoa. Essencialmente, eles se tornaram "sombras" de grande poder e são agora a maioria dos tenentes de confiança de Sauron.

Os Nazgûl usam grandes capotes escuros, longas cotas de malha e capacetes. Debaixo da roupa deles, não são nada além de formas nubladas com quase nenhuma substância. Os poderes especiais dos Nazgûl são muito numerosos, mas eles também usam armas mundanas como espadas e punhais e as envenenam. Os Nazgûl se locomovem com grandes cavalos pretos que são acostumados à presença deles. Estes cavalos proporcionam, para os Nazgûl, sensações físicas. Considerando que eles são espíritos, eles vêem melhor no mundo espíritual e confiam pesadamente em seus cavalos para sua interação direta com o mundo comum.


voltar.gif


transp.gif (45 bytes)